Frete Grátis acima de R$ 100,00

Perfume Cravo Da Índia & Olíbano 100ml Masculino + Presente

R$119,00
Compartilhar
Perfume elaborado com uma mistura dos dois óleos essenciais naturais para formar um delicioso blend masculino. Os perfumes naturais expressam o melhor da perfumaria, com as experiência olfativas que remetem aos aromas reais presentes na natureza e em nosso dia a dia. Você ainda ganha um Mini Perfume 10ml de presente. O que são óleos essenciais? Sessenta mil anos antes da nossa era, o homem de Neanderthal já usava plantas aromáticas. Seja na Índia, China, Egito, todas as civilizações se interessaram por plantas aromáticas e seus aromas. Óleos essenciais são substâncias naturais responsáveis pelo aroma das plantas. Encontram-se nas sementes, raízes, talos, cascas, madeiras, resinas, folhas, flores e frutos. Possuem propriedades terapêuticas variadas. Conheça mais sobre os óleos deste perfume: Cravo da Índia A fragrância de cravo tem notas de madeira e couro e por isso combina em harmonia com outras fragrâncias, incluindo a fragrância do Patchouli. Seu aroma dá força e inspira homens em busca de mudanças. Ativando seus instintos e dando coragem para tomar decisões importantes. Uma das especiarias mais valorizadas, no mercado do início do século XVI um quilo de cravo equivalia a sete gramas de ouro. Na China, os cravos eram usados não só como condimento, mas também como remédio e na indústria de cosméticos, seu aroma maravilhoso abriu um leque de opções para a perfumaria. Olíbano Olíbano, também conhecido como franquincenso, é uma resina aromática muito usada na perfumaria e fabricação de incensos. É obtido de árvores africanas e asiáticas do gênero Boswellia. O nome franquincenso refere-se a sua proeminência como o ""verdadeiro"" ou ""franco"" incenso, já olíbano é derivado do árabe al-lubán (""o leite""), em referência à seiva leitosa que sai ao golpear a árvore de olíbano.O olíbano é usado generosamente em ritos religiosos. De acordo com Mateus 2:11, ouro, olíbano e mirra foram os três presentes dados a Jesus pelos Reis Magos que vinham do oriente. O surgimento do Cristianismo empobreceu o mercado do olíbano durante o século IV, a desertificação fez com que as rotas de caravanas que cruzavam sobre o Rub al-Khali se tornassem mais difíceis e o incremento das incursões dos nômades no Oriente Próximo facilitaram o fim do comércio do olíbano ao redor do ano 300.